A página TH está disponível para os navegadores: Google Chrome, Ópera, Firefox, Edge e Internet Explorer nas versões 10 e 11 .

Cobrança

17 de Maio, 2016

Como reduzir os custos da cobrança sem perder produtividade?

Um dos principais empregadores no Brasil, o mercado de atendimento deve ficar cada vez mais enxuto. Estimativas da Associação Brasileira de Telesserviços (ABT) apontam que o número de colaboradores no segmento de contact center deve apresentar queda de 5% até 15%, conforme informou ao jornal Valor Econômico.

Uma série de fatores contribui para que as empresas de contact center apresentem o quadro de colaboradores cada vez menor. O aumento do salário mínimo, assim como diretos trabalhistas na folha de pagamento, representa alto custo para as empresas, que já têm a margem de lucro comprometida por conta da dificuldade que os devedores têm encontrado para colocar as contas em dias, conforme mostram os indicadores econômicos: este mês apresentou o maior desemprego em 24 anos e a inadimplência atingiu 60 milhões de brasileiros.

Assim, o grande desafio dos líderes do mercado têm sido garantir a produtividade dos colaboradores, já que, ao mesmo tempo em que a tendência é reduzir cada vez mais o número de operadores para conter custos, estes mesmos operadores recebem volumes cada vez maiores de contatos de dívidas a recuperar.

Para ajudar a fechar esta equação, a Sistemas TH, um dos principais bureaus de informação do País, se mostra como uma grande parceira do segmento na estratégia para melhorar o desempenho das operações de cobrança. Isso porque investir na qualidade cadastral das carteiras facilita o contato com os devedores, pois quanto mais assertiva for a cobrança, maior a chance de a promessa do consumidor se converter em recuperação.

A qualidade cadastral também se mostra uma ferramenta importante contra a ociosidade. É comum no mercado empresas investirem em postos de atendimentos (PAs) acreditando que cada operador irá produzir durante as seis horas de jornada. No entanto, por conta da dificuldade de localização, os operadores apresentam grande índice de ociosidade por não localizar o cliente.

Assim, ter uma equipe de 100 colaboradores que fala 2h30 ou uma equipe de 50 operadores que fala com os clientes por 5 horas diariamente representa a mesma produtividade. Porém, o negócio se mostra mais rentável no caso da equipe de 50 colaboradores, pois além de uma equipe mais produtiva, a estratégia de investir na inteligência da Sistemas TH – que mantém a base cadastral com mais de 250 milhões de informações atualizadas semanalmente – faz com que os custos caiam pela metade.

Para conhecer gratuitamente a ferramenta de atualização cadastral da Sistemas TH,.

Acesse: http://www.sistemasth.com.br/contato.php

admin

Quer receber mais conteúdos brilhantes como esses gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nosso conteúdos por email

E-mail cadastrado com sucesso!



Leia também